quinta-feira, 6 de agosto de 2009

NADA E TUDO
NADA é o vazio
A solidão que rompe a noite
E se prolonga nas madrugadas!
NADA é a indiferença
Por medo de amar
De oferecer o EU verdadeiro ao outro!
NADA é o egoísmo
Que fecha as portas
Silencia e isola o ser humano!
NADA é a violência
Que surpreende cada dia
Escancara as armas como sinônimo de morte!
NADA é a injustiçaQue brinda constante
Nos melhores banquetes de corrupção!
NADA é a vingança
Cega, louca e desvairada
Impregnada de péssima obstinação!
TUDO é a amizade
Que aquece o coração
Toma forma de anjo
Numa enorme asa de proteção!
TUDO é o afetoPreenchendo os vazios
Do mundo real e virtual!
TUDO é a féRompendo os nós da ingratidão
Sendo o sol enérgico do próprio EU!
TUDO é o amor
Dos que se apaixonam todos os dias
Mesmo sem retorno algum!
TUDO é estarem junto
Mesmo labirintos incógnitos
Inerentes a cada ser humano!
TUDO é ser amigo
Presente de força, fé, amor...
Só para estar junto!

-Clécia-


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo o comentário, que sempre vem acompanhado de carinho!

Bjos...