sexta-feira, 7 de agosto de 2009



CONFISSÕES


Escrevi na minha vida VOCÊ!

Confesso que estou em desgoverno...

Perdida, desfaço e faço

Teus olhos sobre mim

Num pouso virtual

Abrigando-te em meu abraço

Por portais cristalinos

No meu colo feminino!

Acima de tudo me refaço.

Fico assim silêncio

Obrigo o que sinto

A ficar num abrigo emudecido!

Confesso que és meu pecado

Ou meu gosto de paraíso!

Minha insana chama

Só fica amena...

Ao encontrar tua voz,

Teu olhar, teu sorriso.

Explicação? Nenhuma!

E nas estrelas? Só uma!

Nela, procures direitinho...

Encontrarás que te sinto: AMOR!


-Clécia-

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo o comentário, que sempre vem acompanhado de carinho!

Bjos...